quarta-feira, 29 de julho de 2009

Jogo dos 8 erros

Meu irmão tirou a foto abaixo, quando eu estava desprevinido. Mas até que gostei dela. E ao reparar tantos detalhes (bagunça) na imagem, tive a ideia de fazer um jogo dos erros. Existem 8 diferenças entre as imagens abaixo. Descubra! Está Fácil! [update: Ok, nem tão fácil assim]

imagem1 imagem2

Arabian day

O tema no Hopi Hari era Mil e Uma Noites. Então volta e meia iniciávamos uma dancinha árabe. Ou pelo menos tentávamos. Ok, podem rir!

terça-feira, 21 de julho de 2009

Montezum

Montanha-Russa de madeira do Hopi Hari.

Fui eu, meu amigo Diego, seu irmão David e sua prima Dani. Eu e Diego estamos no primeiro carro. Dani e David um pouco mais atrás. A maior graça talvez esteja no áudio ;)

Passeio realizado entre os dias 15 e 17 de Julho de 2009. Inesquecível!

sexta-feira, 10 de julho de 2009

Filtro Solar

Taí um vídeo que eu gosto muito!

Sei que é famoso, e que todo mundo já deve ter visto. Mas mesmo assim deu vontade de colocar aqui. É sempre bom rever a mensagem que ele passa!

terça-feira, 7 de julho de 2009

Próxima estação: Renan Mariano

 

foto

De vez em quando, ao andar de trem ou de metrô, fico reparando aqueles nomes de estações. A maioria delas tem o nome do bairro ou da rua em que se encontram. E muitos são nomes de pessoas (ou famílias) importantes que já deram o ar de sua graça neste planeta. Como exemplo temos Siqueira Campos, Rocha Miranda, Del Castilho, entre outros. E então eu pergunto: Você já parou para pensar que, caso você se torne alguém relevante o suficiente no futuro, pode ser homenageado com um local tendo o seu nome?

Isso pode ser muito interessante. Fico imaginando o metrô daqui a algumas décadas. "Próxima estação: Renan Mariano. Estação de integração para Mauro de Bias e para a praça Aquino Cruz. Desembarque pelo lado esquerdo. Observe atentamente o espaço entre o trem e a plataforma. Next stop: Renan Mariano. Mind the gap". Pomposo, não? Uma pena que essas homenagens geralmente são feitas após a pessoa ter morrido, pois deve dar uma tremenda sensação de poder sabendo que existe um lugar com o seu nome. Quer dizer, pode ser um pouco trágico também...

Imagina se colocam o seu nome em um lugar bem pobre, extremamente perigoso, com toque de recolher às 21h e com vários focos do mosquito da dengue. Rolariam aqueles típicas conversas de senhoras que se encontram na rua:

- Menina, onde cê tá morando?

- Ah, meu bem, tô lá em Renan Mariano agora. O aluguel é mais barato e achei vaga na creche pras criança.

- Meodeus, mas dizem que lá em Renan Mariano é um pirigo.

- Pois é, meu bem. Tenho um subrinho que tá na boca de fumo e tudo por lá. Uma tristeza. Os traficante tão querendo tomar o morro Figueiredo Ferrão. Tá horrível. Todo dia tem PM e bala perdida.

Na boa, se eu me tornar importante algum dia para a sociedade ao ponto de escolherem colocar o meu nome em algum lugar, só ficaria realmente feliz se for um local minimamente decente. Não quero ficar me contorcendo dentro do caixão.

Enfim, que os renan-marienses sejam felizes e prósperos!